Banco lança linha de crédito para estocagem de oliva
CI
Imagem: Eliza Maliszewski
INÉDITO

Banco lança linha de crédito para estocagem de oliva

Produtores poderão estocar oliva e seus derivados já processados, como azeitona e azeite
Por: -Eliza Maliszewski

O Banrisul, banco estatal do Rio Grande do Sul, lançou, de forma pioneira no país, uma modalidade de financiamento para estocagem de oliva. Com a nova linha de crédito, os produtores poderão estocar oliva e seus derivados já processados, como azeitona em conserva e azeite.

“Esta linha será muito importante para o produtor que contava com isso. Sem falar que poderá ajudar a atrair outros empreendedores rurais para o setor da olivicultura, que tem tido uma expansão muito relevante no Estado nos últimos anos”, declarou a secretária da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul, Silvana Covatti.

Hoje o Rio Grande do Sul é o maior produtor nacional de azeite de oliva extravirgem, concentrando 75% da produção brasileira. São 7 mil hectares, sendo que 35% produzem frutos. Neste ciclo a expectativa é de produzir 90 mil litros de azeite.

A linha para estocagem de oliva é de comercialização, com recursos livres do crédito rural e tem o objetivo de viabilizar recursos para a armazenagem da matéria-prima adquirida diretamente de produtores rurais ou cooperativas. O diretor Comercial do Banrisul, Fernando Postal, disse que o foco é proporcionar que o produtor possa se desenvolver. “Nós nos orgulhamos muito de estar ao lado do produtor e de sermos pioneiros na criação dessa linha de crédito”, afirmou. Já o diretor de Tecnologia da Informação e Inovação do Banco, Jorge Krug, destacou a importância da instituição estar próxima de quem produz e promove o desenvolvimento do Estado.

O crédito pode ser acessado por agricultores e pessoa jurídica - agroindústrias ou beneficiadores que industrializem o produto estocado. Também são disponibilizadas linhas de crédito para cultivo e investimentos rurais na atividade. 

Com mudas de qualidade, manejo adequado, principalmente com a adubação, e com a instalação de indústrias no Estado para o beneficiamento da oliva, a qualidade dos azeites gaúchos tem sido reconhecida em concursos internacionais.

 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.