Barragem vai garantir abastecimento no Sul do Piauí

Agronegócio

Barragem vai garantir abastecimento no Sul do Piauí

Por:
98 acessos

A barragem Atalaia, que o Governo está construindo no município de Sebastião Barros, a mais de 900 quilômetros de Teresina, na região Sul do Piauí, vai resolver em definitivo a questão de abastecimento d’água em várias cidades, entre elas Corrente e Parnaguá, que ficam nas imediações do lago. Vai também garantir o abastecimento animal em períodos de estiagem, salvando da morte boa parte do rebanho, como reconhece o agropecuarista Hélio Paranaguá, um dos maiores criadores de gado do Estado. “Em estiagens prolongadas, já morreu muito gado por aqui”, revela ele. Imagem: Regis FalcãoClique para ampliarBarragem de Atalaia Com capacidade para armazenar 215 milhões de metros cúbicos de água, Atalaia será um dos maiores reservatórios do Estado e fica localizada numa região onde a pecuária é a principal atividade econômica. A obra deverá ficar pronta no fim de 2014, resultado de um investimento de R$ 60 milhões, recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). “Estamos em ritmo acelerado e vamos entregar a barragem no prazo estipulado”, garante o engenheiro Lúcio Flávio Gomes. Lúcio Flávio explica que o maciço da parede, a obra mais importante da barragem, já tem 70% concluído e o sangradouro, 60%. A parede, quando pronta, terá uma altura de 22 metros e 2,5 quilômetros de extensão. A bacia de acúmulo, por sua vez, ocupará uma área de 2,7 mil hectares. Só na construção do maciço, o movimento de terra já atinge a marca de 1,5 milhão de metros cúbicos e no sangradouro, 1 milhão de metros cúbicos. O movimento de terra por mês é da ordem de 200 mil metros cúbicos. “Estamos trabalhando com onze escavadeiras, para garantir um ritmo acelerado”, conclui o engenheiro. Atalaia vai barrar o riacho Riachão e os rios Paraim e Corrente. Na obra trabalham no momento 230 operários, a maior parte recrutada na própria região.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink