BASF alerta para importância do manejo preventivo na lavoura de soja

Agronegócio

BASF alerta para importância do manejo preventivo na lavoura de soja

Ferrugem asiática é considerada principal doença da oleaginosa
Por:
1445 acessos

Para um maior rendimento de grãos nas lavouras de soja, o produtor deve estar sempre atento às condições climáticas e a ocorrência de pragas e doenças, que podem causar perdas significativas ao cultivo. Conforme o doutor da Universidade de Passo Fundo (UPF), Carlos Alberto Forcelini, mesmo com a presença de alguns fungos no solo, permanentes no campo entre as safras, as doenças externas também podem se estabelecer na fase vegetativa da soja.
 
A ferrugem asiática é um exemplo, o fungo é considerado a principal doença da oleaginosa, principalmente por sua agressividade e fácil propagação.
 
Nesse sentido, o produtor deve estar alerta e antecipar aos fatores que podem influenciar redução da produtividade do campo. Um dos pontos que dever ser considerado são períodos com elevada umidade do ar. De acordo com o serviço de monitoramento agrometeorológico da BASF, o Agrodetecta, as previsões apontam para ocorrência de maior intensidade de chuvas nos primeiros meses de 2017, o que pode influenciar o desenvolvimento de doenças nas lavouras.
 
“Na Região Sul, na última, safra nós tivemos uma situação em que a ferrugem aconteceu um mês mais cedo do que normalmente aparece. O produtor precisa estar atento e aplicar o conceito de manejo preventivo de forma correta, assim quando o fungo chegar à lavoura de soja, ela estará protegida pelo fungicida” comenta Forcelini.
 
Pensando nas necessidades do produtor, a BASF, empresa química líder em inovação, oferece o fungicida Orkestra™SC. O produto contribui para um manejo preventivo e ajuda no controle efetivo de doenças para o plantio da soja.
 
O Orkestra™SC não queima as folhas e possui um efeito que "blinda" doenças, protegendo a soja da ferrugem asiática, mancha-alvo, mancha-parda, mela, antracnose, oídio e crestamento foliar. Visando o melhor controle e manejo de resistência dos fungos aos fungicidas, a BASF recomenda sempre que for necessário a associação de produtos multissítios protetores as misturas especificas existentes no mercado.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink