Basf lança nova marca mundial para ganhar mercado

Agronegócio

Basf lança nova marca mundial para ganhar mercado

A marca identifica uma linha de produtos que promovem efeitos fisiológicos positivos
Por:
18 acessos

AgCelence é a nova marca mundial da Basf, uma das principais fabricantes de defensivos agrícolas do País. A marca (cuja pronúncia é "aguicélence") identifica uma linha de produtos que, segundo o fabricante, promovem efeitos fisiológicos positivos nas plantas e, com isso, proporcionam rendimento extra e mais lucro ao produtor. Os produtos que integram a AgCelence são os fungicidas da família F500 (Ópera, Comet e Cabrio Top) e o inseticida Standak.

O lançamento oficial ocorreu em São Paulo, no final da semana passada, durante a cerimônia de premiação do Top Ciência 2007, evento que busca reconhecer os trabalhos científicos desenvolvidos por pesquisadores e especialistas que avaliaram os benefícios dos funcigidas da família F500.

O nome Agcelence faz a junção das palavras agricultura e excelência, "São plantas mais verdes, mais saudáveis e produtivas. O AgCelence é o sinônimo de superioridade dos produtos da Basf com realação aos demais existentes no mercado", justifica Walter Dissinger, vice-presidente de produtos para a agricultura para a América Latina.

Segundo os diretores da Basf, os fungicidas produzidos pela empresa têm como base o componente químico estrobirulina, atualmente utilizado por outras empresas de agroquímicos. A família F500, entretanto, define um novo padrão no grupo das estrobirulinas.

O professor Elmar Luiz Floss, da área de Fisiologia Vegetal, da Universidade de Passo Fundo, responsável por algumas das pesquisas quea apontam o diferencial do F500, explica que esse componente melhora a atividde de uma enzima das plantas, a nitrato-redutase, e, com isso, incorpora mais nitrogênio resultanto em mais massa foliar. Há ainda o aumento no tempo de fotossíntese da planta e com isso mais produtividade.

E, por fim, há a diminuição de outro componente da planta, o etileno, promovendo duração maior das folhas verdes na plantas. Os dados, completam os diretores da empresa estão baseados em resultados e informações obtidas em mais de três mil áreas demonstrativas e comerciais acompanhadas pela multinacional.

A jornalista participou do evento a convite da Basf


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink