BASF participa do 36º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras

Agronegócio

BASF participa do 36º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras

Evento será realizado no Estado do Espírito Santo, segundo maior produtor do cultivo no país
Por:
1575 acessos
Evento será realizado no Estado do Espírito Santo, segundo maior produtor do cultivo no país

Entre os dias 26 e 29 de outubro, a BASF participará do 36º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras, em Guarapari (ES). Promovido pela Fundação Procafé, o evento é um dos principais encontros da cafeicultura nacional e reunirá cerca de cinco mil pessoas, entre consultores, pesquisadores e agricultores.

No congresso, a BASF exibirá o Simulador de Rentabilidade, programa que auxilia os produtores na interpretação dos resultados ajudando-os na tomada de decisão para investimentos em defensivos agrícolas na sua lavoura. “Essa ferramenta facilita a visualização do retorno sobre o investimento na cultura do café quando utiliza-se produtos com benefícios AgCelence na cafeicultura”, diz o gerente de Cultivo de Café da BASF, Daniel Vieira. Além dessa inovação, a empresa apresentará em seu estande todo o portfólio de produtos que proporcionam tais benefícios, entre eles o fungicida Opera®, indicado para o controle de ferrugem e cercosporiose, e o fungicida Cantus®, recomendado para aplicação em pós-colheita, pré e pós-florada do café visando o controle das doenças Mancha-de-Ascochyta e Seca-de-ponteiros provocados pelos fungos Ascochyta coffeae e Phoma costaricensis respectivamente.

No evento também será apresentado o Digilab, um serviço diferenciado de assistência técnica digital no campo, que assegura velocidade e maior precisão no diagnóstico, além de aumentar as chances de sucesso no tratamento fitossanitário das lavouras. A ferramenta auxilia o agricultor na identificação precisa dos sintomas das principais doenças em diferentes culturas, por meio de um microscópio digital que captura a imagem, aumentando-a em até 200 vezes. O aparelho utiliza uma biblioteca virtual de saúde vegetal para consulta e comparação das imagens capturadas, além de contar com o suporte técnico de pesquisadores que compõem a comunidade Digilab por meio de chats de discussão.

Além disso, na tarde do dia 26, os participantes poderão conferir a apresentação de dois trabalhos de pesquisa da BASF acerca do manejo do café. O primeiro estudo, intitulado “Avaliação do controle da ferrugem do cafeeiro com aplicação de Opera via atomizador tipo canhão”, será ministrado pelo consultor da empresa na região, César Abel Krohling, que visa o controle da ferrugem do cafeeiro. Já o segundo, “Avaliação de programas de tratamento para Mancha-de-Phoma em região de elevada altitude e com histórico de ocorrências e danos”, será apresentado pelo Engenheiro Agrônomo Pedro Paulino Mendonça, Desenvolvimento de Mercado Especialidades da BASF, e levará informações sobre os resultados obtidos a partir da aplicação do fungicida Cantus® próximo ao período de florada para o controle da Mancha-de-Phoma.

“Para a BASF, o evento apresenta-se como uma ótima oportunidade de levar nossas soluções e resultados de estudos aos principais cafeicultores, exatamente na região que é uma das maiores produtoras do Brasil, contribuindo também para o aumento de produtividade e rentabilidade desses produtores”, finaliza Vieira.

Serviço
36º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras
Local: Centro de turismo do SESC.
Endereço: Rodovia ES 060 - Guarapari (ES)
Período: De 26 a 29 de outubro
Horário: dia 26, das 9h às 18h30, dia 27 e 28 das 13h às 19h e dia 29 das 8h às 12h
Site: http://www.fundacaoprocafe.com.br/noticias.php?id0=27

As informações são da assessoria de imprensa da Basf.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink