Agronegócio

BB liberou 76% mais recursos para florestas

O Banco do Brasil espera liberar até o fim deste ano R$ 250 milhões para financiar o plantio de florestas
Por: -Viviane Monteiro
2 acessos

O Banco do Brasil espera liberar até o fim deste ano R$ 250 milhões para financiar o plantio de florestas pela linha BB Florestal. A cifra deverá representar crescimento de 76,05% em relação aos R$ 142 milhões aplicados no ano passado. A estimativa que o número de contratos foi de 4,440 mil em 2006.

Pelas expectativas do gerente-executivo da instituição, Rogério Pio, o Banco do Brasil deverá liberar R$ 300 milhões no próximo ano para tal finalidade.

Entre janeiro e novembro deste ano, foram contratados R$ 204,909 milhões para financiar o fomento florestal perfazendo 4,172 mil operações. O valor é 67,43% maior que os R$ 122,378 milhões aplicados no programa no mesmo período do ano passado.

Os recursos são tomados ao banco por pequenos, médios e grandes produtores. O valor médio do crédito concedido à agricultura familiar neste ano chega a R$ 10 mil. O crédito é destinado principalmente à produção de eucalipto e pinho para a fabricação de papel e celulose e carvão. A linha também custeia a recomposição e manutenção de áreas de preservação e de reservas legais.

O produtor que preservar e recuperar uma área de reserva legal consegue obter até 15% a mais do limite de crédito. O estado de São Paulo foi quem mais contratou crédito para o segmento florestal neste ano. Foram R$ 150 milhões até novembro. Mas por conta da agricultura familiar, o número de contratos é maior no Rio Grande do Sul com 43% do total de operações contratadas no ano (1,8 mil operações).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink