Bem estar animal é preocupação da ABCCC

Agronegócio

Bem estar animal é preocupação da ABCCC

Gado utilizado na prova recebe cuidados especiais
Por:
1048 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.
Em meio a apaixonados pelos animais, o cuidado e a atenção com o seu bem estar não é apenas um dever a cumprir. É um ato de afeição e responsabilidade. No Freio de Ouro, cuja final acontece nesse domingo (31), em Esteio (RS), ações voltadas à prevenção chamaram a atenção do público presente e destacaram a dedicação dos organizadores à saúde e prudência no uso dos animais.

O zelo com o gado utilizado na maior prova de seleção do cavalo Crioulo parte da seleção dos animais, passa pelo transporte, e culmina com as iniciativas da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) em seu espaço, no Parque Assis Brasil – tanto no piquete de descanso do gado, quanto em pista. Os animais estão sob vigilância permanente de três médicos veterinários responsáveis.

A escolha dos animais atende a critérios rígidos de sanidade. O estado dos animais é avaliado, sendo triados para uso na prova aqueles com maior aptidão e melhor condição física. Todo o deslocamento é monitorado por tratadores e, nos casos em que a distância exija, são programadas paradas e intervalos.

No parque, o amplo espaço dos piquetes oferece o conforto para o descanso, limpeza e segurança. Nos cochos não falta água e pasto de qualidade. Na pista, almofadas nas laterais e coberturas acolchoadas nos pilares da mangueira garantem a execução das etapas no local, sem lesões.

Além das ações estruturais, o próprio regulamento do Freio orienta para que haja cuidado com todos os envolvidos na prova e prevê punições a qualquer ato ou manifestação que ofereça perigo à sanidade dos animais. O documento ainda contém a determinação expressa dos tipos de apero e equipamentos com o uso permitido, além da previsão da aplicação de exames antidoping.

A ABCCC está apoiando também uma iniciativa, junto a outras Associações de raça, da construção de uma proposta de regulamento conjunto de bem estar animal voltado para competições esportivas. O documento está em fase final de produção e deverá se consolidar como um marco da defesa do bem estar animal no país.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink