Biogénesis Bagó recebe "Prêmio ICBC Comércio Exterior" do maior banco do mundo

Agronegócio

Biogénesis Bagó recebe "Prêmio ICBC Comércio Exterior" do maior banco do mundo

No Brasil, a Biogénesis Bagó já produz alguns produtos em uma planta na cidade de Araçoiaba da Serra (SP)
Por:
365 acessos

Reconhecimento se deve ao início das operações de uma das mais modernas fábricas de produção de vacinas contra febre aftosa na China, com capacidade de 400 milhões de doses.

A Biogénesis Bagó, empresa que desenvolve e comercializa produtos e serviços veterinários para rebanhos bovinos de carne e leite, foi homenageada com o "Prêmio ICBC Comércio Exterior", promovido pelo Banco Industrial e Comercial da China (ICBC), a maior instituição financeira da China e o maior banco do mundo. A premiação reconhece a inovação, a criação de emprego e a capacidade das operações internacionais de empresas e empresários. A empresa recebeu o primeiro prêmio na categoria que reuniu representantes corporativos em razão do início das operações de uma das mais modernas fábricas de produção de vacinas contra febre aftosa do mundo, na China. O empreendimento é fruto de uma joint venture que teve início em 2013 entre a Biogénesis Bagó e a farmacêutica Hile, da China e que deu origem à Jinhai Biotecnology Co.

Com capacidade de produção de 400 milhões de doses, a Jinhai Biotecnology Co. se localiza na cidade de Yangling. A produção atenderá a demanda do mercado chinês, país que possui registrados 700 milhões de suínos, 120 milhões de bovinos e bubalinos e 300 milhões de cabras e ovelhas.

Para Hugo Sigman, acionista da empresa, que recebeu o prêmio em nome da Biogénesis Bagó, essa conquista é dedicada aos funcionários de laboratório com mais de 80 anos. “É um orgulho para a região ter uma empresa como a Biogénesis Bagó, com uma distinta carreira na saúde animal na América Latina e agora uma forte presença na Ásia. Essas conquistas são, sem dúvida, pelo prestígio e a qualidade dos nossos pesquisadores e técnicos", disse Hugo Sigman.

A vacina contra a febre aftosa desenvolvida pela Biogénesis Bagó desempenhou um papel fundamental no controle da epidemia em Taiwan, e o governo da Coréia do Sul aprovou recentemente a importação da vacina, fabricada em Garín, na província de Buenos Aires. O laboratório também é o único licenciado nos Estados Unidos e Canadá para comercializar este tipo de vacina para evitar a doença, caso haja registro de surto nesses países.

Para o diretor da Biogénesis Bagó no Brasil, Raul Moura, a empresa se fortalece cada vez mais no cenário global de saúde animal, posicionando a região compreendida por Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai , Bolívia e México não só como exportadora de proteína animal, mas também de biotecnologia. “Graças a programas de controle da febre aftosa muito bem orientados por 20 anos e níveis de exigência incomparáveis, a nossa região é a que tem maior expertise, maior qualidade e melhor padrão de produção de vacinas, estando apta para exportar esse produto”, destaca. “Quando a fábrica da China alcançar sua capacidade plena de produção, ela será a de maior envergadura no mundo. Se somarmos às doses que são produzidas na planta industrial de Garin, na Argentina, a Biogénesis Bagó será o maior produtor mundial de vacinas contra a doença, elaboradas sob os critérios mais rigorosos de qualidade” salienta Moura.

No Brasil, a Biogénesis Bagó já produz alguns produtos em uma planta na cidade de Araçoiaba da Serra (SP) e está investindo para ampliar a produção no País.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink