Biotecnologia quer salvar a banana
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,782 (-0,26%)
| Dólar (compra) R$ 5,38 (2,78%)

Imagem: Marcel Oliveira

MUNDO

Biotecnologia quer salvar a banana

As bananas são uma cultura vital na África Central e Oriental
Por: -Leonardo Gottems
319 acessos

Pragas e doenças ameaçam a popular banana Cavendish com a extinção. A universidade holandesa Wageningen e a empresa de pesquisa de plantas KeyGene unem-se a pesquisadores internacionais que lutam para salvar a fruta, formando a AABB.  

As bananas são uma cultura vital na África Central e Oriental. Mais de 50% da área plantada permanente na região é dedicada ao cultivo de bananas, que atualmente representa cerca de metade da área agrícola total dedicada à banana na África. 

As bananas fornecem até um quinto do consumo total de calorias per capita na região e, de acordo com dados do projeto de pesquisa internacional Acelerado de Melhoramento de Bananas (ABBB), as bananas são uma 'importante fonte de renda' para pequenos agricultores da área com uma colheita anual de banana da região avaliada em US $ 4,3 bilhões. 

No entanto, as pragas e doenças representam uma séria ameaça à sustentabilidade futura da produção de banana na África Oriental e Central. O cultivo de banana na região atinge apenas 9% de seu rendimento potencial devido à deterioração e resíduos causados por doenças como Fusarium e Sigatoka Negra, além de pragas como nematóides e gorgulhos, segundo estimativas da ABBB. 

A ABBB é coordenada pelo Instituto Internacional de Agricultura Tropical (IITA). Seu objetivo é atingir 50% mais resistência a pelo menos três das principais pragas e doenças, ao mesmo tempo em que desenvolve uma plataforma de criação de bananas mais eficiente. Por meio da ABBB, o WUR e a KeyGene contribuirão para o desenvolvimento de novas variedades de banana que sejam adequadas para o cultivo na África Oriental. Estes, disse WUR, serão resistentes à "devastadora" doença do Panamá. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink