Boi/Cepea: Contratos antecipados limitam alta de preço e reduzem oferta

Agronegócio

Boi/Cepea: Contratos antecipados limitam alta de preço e reduzem oferta

Os preços do boi gordo estão firmes no mercado brasileiro, sustentados pela baixa oferta de animais prontos para abate no spot.
Por:
382 acessos

Os preços do boi gordo estão firmes no mercado brasileiro, sustentados pela baixa oferta de animais prontos para abate no spot. Na parcial de setembro (até o dia 28), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa acumula alta de 2,13%, fechando a R$ 151,80 nessa quarta-feira, 28. Em sete dias, o aumento é de 0,78%.

Segundo colaboradores do Cepea, boa parte dos animais abatidos nos últimos dias está atrelada a contratos antecipados, firmados entre frigoríficos e confinadores. Com isso, a disponibilidade de boi gordo no mercado spot tem sido baixa – alguns frigoríficos, inclusive, relatam dificuldades na compra de animais para preencher escalas de abate. Por outro lado, como muitas unidades que realizaram compras antecipadas estão recebendo os animais de confinadores, as altas nos preços do boi gordo são limitadas.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink