Agronegócio

Boi/CEPEA: Oferta limitada e frigoríficos retraídos mantêm Indicador estável

Entre 2 e 9 de outubro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo (estado de São Paulo) ficou praticamente estável
Por:
735 acessos

Neste início de outubro, frigoríficos têm se posicionado de maneira mais recuada na compra de animais para abate. Segundo pesquisadores do Cepea, isso resultou em certa pressão sobre as cotações dos últimos dias, mas com efeito limitado para a formação das médias diárias, visto que a oferta continua restrita. Entre 2 e 9 de outubro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo (estado de São Paulo) ficou praticamente estável, com ligeira alta de 0,09%, fechando a R$ 110,54 nessa quarta-feira, 9. Além de São Paulo, os preços da arroba de boi também subiram em grande parte das regiões acompanhadas pelo Cepea. No mercado de reposição, o Indicador do bezerro ESALQ/BM&FBovespa (animal nelore, de 8 a 12 meses, Mato Grosso do Sul) fechou a R$ 826,08 na quarta, alta de 1,16% em sete dias.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink