Boi gordo: mercado devagar, quase parando

Imagem: Marcel Oliveira

MERCADO

Boi gordo: mercado devagar, quase parando

Em algumas regiões, os frigoríficos abriram as compras ofertando preços menores pelo boi
Por:
319 acessos

Foram poucos os compradores ativos na manhã da última segunda-feira (23/3). Dentre os que estavam comprando, o volume de negócios foi extremamente pequeno, principalmente para os compradores cujas ordens de compra não subiram, em relação à semana anterior.

Em algumas regiões, os frigoríficos abriram as compras ofertando preços menores pelo boi. Houve negócios, porém, em volumes reduzidos.

Com a demanda incerta, devido aos impactos do coronavírus no Brasil e no mundo, a baixa disponibilidade de boiadas tem sido o fator de sustentação da cotação da arroba. Ou seja, ao longo de março, a desvalorização somente não maior em função da oferta restrita.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink