Boi gordo perdeu força nos últimos dias, mas oferta restrita deixa pouco espaço para quedas

Agronegócio

Boi gordo perdeu força nos últimos dias, mas oferta restrita deixa pouco espaço para quedas

Com o lento escoamento da carne no atacado o mercado do boi gordo perdeu a força dos últimos dias
Por:
305 acessos

Com o lento escoamento da carne no atacado o mercado do boi gordo perdeu a força dos últimos dias. Porém, a oferta restrita de boiadas tem deixado pouco espaço para quedas. Em São Paulo, apesar de um mercado menos firme em relação ao início da semana, ainda há frigoríficos ofertando preços acima da referência, a fim de alongar as programações de abate.

Este cenário, de lento escoamento no atacado e oferta limitada de animais terminados, vem mantendo o mercado do boi gordo andando de lado em boa parte das regiões pesquisadas pela Scot Consultoria.

Contudo, a oferta restrita e a alta ociosidade das indústrias mantêm os estoques enxutos e colabora com um mercado ainda firme, apesar da tentativa de pagar preços menores por parte dos frigoríficos.

A margem das indústrias que não desossam (Equivalente Scot Desossa) teve recuo na semana e está em 20,0%. Queda de 3,8 pontos percentuais na comparação com o fechamento da semana anterior.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink