Bolsão caminha para se tornar polo da piscicultura no MS

Agronegócio

Bolsão caminha para se tornar polo da piscicultura no MS

Região Leste é responsável por metade de toda a produção de peixes de MS
Por:
214 acessos

Com produção de tilápia em crescimento acelerado, a região do Bolsão sul-mato-grossense deve se tornar polo da piscicultura nos próximos dois anos.

A projeção é do gerente regional da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), José Américo Boscaini, baseada no potencial da região, graças ao rio Paraná – ideal para a produção de peixes em cativeiro -, e nos investimentos da iniciativa privada neste setor nos últimos anos. 

Conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), no ano passado, Mato Grosso do Sul foi o responsável pela produção de 6,78 mil toneladas de peixes; 1,1 mil toneladas a mais se comparado ao levantamento do ano anterior.

Desse total, 51%, o que equivale a 3,44 mil toneladas foi produzida na região do Bolsão - Leste do Estado -, e este número deve aumentar ainda mais quando entrar em funcionamento a unidade da Tilabras, em Selvíria, que pretende colocar o Brasil no mapa da produção de peixes.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink