Bom para a safra do Brasil e também da Argentina

Agronegócio

Bom para a safra do Brasil e também da Argentina

Com clima favorável, o país vizinho, que levou um tombo maior que o Brasil no último ciclo – entre soja e milho, tende a retomar a produção
Por:
710 acessos

“Sem dúvida é um ano de oportunidades”, considera Paulo Etchichury, do Somar Meteorologia. “Mas é preciso cautela, porque o clima bom para o Brasil também beneficia a Argentina”, alerta o meteorologista. Com clima favorável, o país vizinho, que levou um tombo maior que o Brasil no último ciclo – entre soja e milho, perdeu ao menos 30% de sua produção de verão, conforme estimativas oficiais – tende a retomar a produção. Ainda não há, contudo, estimativas oficias de plantio na Argentina na próxima temporada.

Outro fator que o produtor brasileiro deve levar em consideração na hora de definir a safra é os EUA. Maior player mundial no mercado de grãos, o país também deve colher safras maiores na temporada 2009/10. O plantio começou atrasado por causa do excesso de umidade, mas deslanchou em seguida e foi encerrado dentro do prazo, em junho. A previsão é de um verão com temperaturas mais amenas e chuvas dentro da normalidade, condições consideradas ideiais para o desenvolvimento das lavouras. As primeiras áreas começam a ser colhidas em setembro. Confirmadas as expectativas do USDA, o departamentento de agricultura do país, os norte-americanos colherão 88,7 milhões de toneladas de soja e 312,2 milhões de toneladas de milho.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink