Bons preços da soja vão puxar procura por crédito agrícola em MS

Agronegócio

Bons preços da soja vão puxar procura por crédito agrícola em MS

A previsão é que o volume de financiamento feche o mês de junho em R$ 1,6 bilhão
Por:
558 acessos
A demanda por crédito agrícola em Mato Grosso do Sul, dentro do novo plano agrícola e pecuário que será lançado no final do mês, poderá ter incremento de 30%, ultrapassando os R$ 2 bi. A estimativa é da superintêndencia do Banco do Brasil que de julho de 2010 a abril de 2011, disponibilizou o equivalente a R$ 1,338 bilhão em custeio, investimento e agricultura familiar no Estado.


Diante dos números, a previsão é que o volume de financiamento feche o mês de junho em R$ 1,6 bilhão em recursos liberados. O montante 9,4% superior ao registrado na safra 2009/2010.

Na avaliação do gerente de Agronegócios da superintendência na Capital, Edson Eugênio Senhorini, os bons preços da soja devem puxar a procura. “Os agricultores estão apostando em preços remuneradores para a safra', enfatizou. Os recursos do crédito agrícola tem juros subsidiados pelo Governo Federal que giram em torno de 6,75% ao ano.


De acordo com o gerente o aumento na demanda por financiamentos foi proporcional nas três áreas contempladas no plano.

A presidente da República, Dilma Rousseff, lançará o Plano Agrícola e Pecuário 2011/2012 no dia 29 de junho, no Palácio do Planalto. Já havia sido divulgado anteriormente o aumento de 7% crédito para a agricultura empresarial de R$ 100 bilhões para R$ 107 bilhões.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink