Brasil assume presidência do Comitê Veterinário Permanente do Mercosul
CI
Agronegócio

Brasil assume presidência do Comitê Veterinário Permanente do Mercosul

Atual representante do país no comitê, Guilherme Marques, recebe cargo nesta sexta-feira
Por:
Atual representante do país no comitê, Guilherme Marques, recebe cargo nesta sexta-feira

O Brasil assume a presidência do Comitê Veterinário Permanente do Mercosul (CVP) em reunião do grupo nesta quinta-feira, 8 e sexta-feira, 9, em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. O diretor de Saúde Animal do Ministério da Agricultura (Mapa), Guilherme Marques, que já é presidente da Comissão Sul-Americana para a Luta Contra a Febre Aftosa (Cosalfa), acumulará a função de liderar o CVP.

Para ele, o principal desafio do grupo é melhorar a integração dos países, para que atuem de forma cooperada. “Não adianta um país fazer o tema de casa e ficar vulnerável aos outros. É preciso buscar a cooperação plena, não só em nível de resolução, mas na prática”, salienta.

Segundo ele, isso significa que o problema de um país precisa ser superado com o apoio de todos, assim como está sendo trabalhada a questão da aftosa no Paraguai. “O problema é de todos, mas não está em todos”. A proposta é que esse modelo possa ser estendido para a Cosalfa.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.