Brasil terá acordo para melhorar condições de trabalho na cana

Agronegócio

Brasil terá acordo para melhorar condições de trabalho na cana

Em discurso ontem da OIT, Lula diz que a assinatura será na próxima semana
Por:
239 acessos

O presidente Lula anunciou que será assinado na próxima semana o acordo para melhorar as condições de trabalho no setor sucroalcooleiro. Foi um dos momentos mais aplaudidos do discurso do presidente ontem na OIT (Organização Internacional do Trabalho), em Genebra.

O objetivo do acordo, chamado de Compromisso Nacional para Aperfeiçoar as Condições de Trabalho na Cana-de-Açúcar, além de responder às denúncias de trabalho escravo no setor, é certificar as empresas que produzem álcool e superar barreiras impostas em mercados como o europeu por razões humanitárias e trabalhistas.

O compromisso é tripartite, após quase dez meses de negociações entre governo federal, usineiros e sindicatos de trabalhadores rurais. Um dos pontos acordados é o compromisso dos usineiros de não mais contratar os cortadores de cana de forma terceirizada. "Na próxima semana, vamos assinar, trabalhadores, empresários e governo, um acordo histórico para aperfeiçoar as condições e as relações de trabalho na cana- -de-açúcar", disse o presidente. "O trabalho no setor vai se tornar muito mais digno e seguro."

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, explicou que se trata de acordo voluntário, ao qual 600 empresas já aderiram. Esse número, segundo ele, representa 80% do setor. Lupi acrescentou que as empresas receberão um certificado de trabalho decente, que facilitará a exportação do produto.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink