Cai demanda por armazéns

Agronegócio

Cai demanda por armazéns

Isso porque a produção de milho caiu 18,5% no Paraná
Por:
1035 acessos
Apesar do aumento de 5% na produção de soja no Paraná (14,57 milhões de toneladas), os armazéns estão menos sobrecarregados do que no ano passado. Isso porque a produção de milho caiu 18,5% (a 5,52 milhões de t), conforme a Expedição Safra Gazeta do Povo. Somando os dois produtos, o volume deste ano é 540 mil t menor.


Na Cooperativa Integrada de Londrina, o planejamento para receber a safra ajudou a evitar prejuízos aos produtores rurais. Segundo o gerente de logística, Celso Otani, a cooperativa teve que ampliar os locais de recebimento dos grãos diante da colheita concentrada. “Tive­­mos atrasos no cronograma de saída também para o mercado interno”, acrescenta. Isso porque, os processadores de grãos também não conseguiam escoar seus produtos.


A Coopavel, de Cascavel, infor­­mou que não está enviando grãos ao Porto de Paranaguá. “O que nós tínhamos para enviar já foi”, disse o presidente da cooperativa, Dilvo Grolli. Na C. Vale, de Palotina, a prioridade agora é o mercado interno, que está remunerando melhor.


Da Redação com colaboração de Daniel Costa, do Jornal de Londrina, e Luiz Carlos da Cruz, correspondente em Cascavel

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink