Agronegócio

Câmara aprova inclusão de remineralizador entre insumos agrícolas

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou na terça-feira (8), projeto que inclui remineralizadores e substratos para plantas entre os insumos destinados à agricultura
Por:
923 acessos
A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou nesta terça-feira (8), em caráter conclusivo, o Projeto de Lei 4781/12, do senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), que inclui remineralizadores e substratos para plantas entre os insumos destinados à agricultura. Com a medida, a inspeção e a fiscalização da produção e comercialização desses produtos passarão a ser regidas pela Lei 6.894/80, de modo semelhante ao que ocorre com fertilizantes, corretivos, inoculantes, estimulantes ou biofertilizantes.

O relator na CCJ, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), recomendou a aprovação da matéria, que também já havia sido aprovada pela Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural. Segundo Teixeira, o projeto preenche uma lacuna existente na legislação atual. “Sem a normatização dos remineralizadores, seu uso fica restrito e sujeito a riscos em função da não observância de algumas condicionantes”, observou. Ele acrescentou que proposta beneficia sobretudo os agricultores familiares, que têm mais dificuldade de acesso aos fertilizantes convencionais. O texto segue agora para o Senado, a menos que haja recurso para sua análise também pelo Plenário.

Definições

A proposta classifica como remineralizador o material de origem mineral que altere os índices de fertilidade do solo por meio da adição de macro e micronutrientes para as plantas. O produto também melhora as propriedades físicas ou físico-químicas ou a atividade biológica do solo. Já o substrato é usado como meio de crescimento de plantas.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink