Câmara setorial do leite propõe leilão de opção privada

Agronegócio

Câmara setorial do leite propõe leilão de opção privada

A proposta será encaminhada ao ministro da Agricultura
Por: -Redação
1 acessos

A Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Leite e Derivados aprovou a criação a conveniência de criação do Prêmio de Risco para Aquisição de Produto Agropecuário Oriundo de Contrato Privado de Opção de Venda (Prop) para o leite. A proposta será encaminhada ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Luís Carlos Guedes Pinto, acompanhado de estudo técnico sobre o impacto no setor.

A meta, segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Alvim, é beneficiar todo o segmento produtivo, porque a criação do prêmio vai estimular as indústrias a comprarem leite dos produtores, das suas cooperativas, com garantia de preço estabelecido previamente por meios dos contratos. O Prop é uma subvenção econômica concedida em leilão público ao segmento consumidor (empresas) que se dispõe a adquirir, em data futura, determinado produto diretamente dos produtores ou suas cooperativas, pelo preço de exercício fixado pelo governo.

Mercado estável

O mercado de leite in natura em Goiás tem se mantido estável ao longo do ano, com médias de preço que variaram de R$ 0,40 a R$ 0,45 por litro. No mês de novembro, a média ficou em R$ 0,44 por litro, com valores mínimos de R$ 0,39 e máximos de R$ 0,55, dependendo da região e do tipo de produtor. A perspectiva é que permaneça estável até fevereiro, iniciando a partir daí uma nova recuperação.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink