Carne de frango: APINCO revê para cima volume do 2º trimestre de 2012
CI
Agronegócio

Carne de frango: APINCO revê para cima volume do 2º trimestre de 2012

Projeções para o trimestre basearam-se na produção de pintos de corte e no rendimento médio apresentado pelo frango nos primeiros meses do ano
Por:
Como já fez em outras ocasiões, a APINCO reviu suas estimativas sobre a produção brasileira de carne de frango – desta vez, as relativas ao segundo trimestre de 2012. O resultado foi uma inversão do que havia sido originalmente estimado: em vez de redução, aumento na produção de carne de frango dos seis primeiros meses deste ano.

Conforme a entidade, as projeções para o trimestre basearam-se na produção de pintos de corte e no rendimento médio apresentado pelo frango nos primeiros meses do ano. Mas números posteriores do IBGE relativos aos abates inspecionados demonstraram que os pesos unitários alcançados entre abril e junho atingiram níveis recordes. E isso impediu que a redução no número de cabeças alojadas fosse acompanhada de uma concomitante redução no volume de carne de frango (vide, a propósito, “ Peso do frango atingiu recordes históricos no 2º trimestre de 2012 ”). No quadro abaixo, com as novas estimativas do 2º trimestre, o resultado acumulado nos seis primeiros meses do ano. Ou seja: em vez de redução próxima de 1%, aumento de volume superior a 2%. E, no acumulado de 12 meses, o alcance dos 13 milhões de toneladas, volume cerca de 2,3% superior ao de idêntico período anterior.





Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink