Carne dos EUA ganha acesso total ao Japão

COMÉRCIO GLOBAL

Carne dos EUA ganha acesso total ao Japão

"Esta é uma ótima notícia para os fazendeiros e exportadores norte-americanos"
Por: -Leonardo Gottems
90 acessos

Os Estados Unidos e o Japão concordaram com novos termos e condições que eliminam as restrições do Japão às exportações de carne bovina dos EUA, abrindo caminho para vendas expandidas ao país asiático. As informações foram concedidas pelo Secretário de Agricultura norte-americano Sonny Perdue. 

Na semana passada, à margem da Reunião Ministerial de Agricultura do G-20 em Niigata, Japão, o secretário Perdue se reuniu com autoridades do governo japonês e afirmou a importância das regras comerciais baseadas na ciência. Os novos termos, que entram em vigor imediatamente, permitem que produtos dos EUA de todos os bovinos, independentemente da idade, entrem no Japão pela primeira vez desde 2003. 

"Esta é uma ótima notícia para os fazendeiros e exportadores americanos que agora têm acesso total ao mercado japonês para sua carne bovina dos EUA de alta qualidade, segura, saudável e deliciosa", disse o secretário Perdue. "Estamos esperançosos de que a decisão do Japão ajude a liderar outros mercados ao redor do mundo em direção a políticas baseadas na ciência”, completa. 

Nesse sentido, o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) estima que esse acesso ampliado poderia aumentar as exportações de produtos de carne bovina dos Estados Unidos para o Japão em até US$ 200 milhões por ano. O acordo é também um passo importante na normalização do comércio com o Japão, uma vez que o Japão alinha seus requisitos de importação com os padrões internacionais para a encefalopatia espongiforme bovina (BSE). 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink