Cereal dá estímulo à abertura de novas lavouras
CI
Agronegócio

Cereal dá estímulo à abertura de novas lavouras

Milho safrinha em Querência-MT tende a ocupar entre 50 e 54 mil hectares
Por:
Cercada pelo Vale do Araguaia e a mais de 800 quilômetros da capital mato-grossense, Querência está entre os municípios que mais crescem em produção agrícola. De acordo com fontes locais, a área do milho safrinha no município tende a ocupar entre 50 e 54 mil hectares no início de 2012, contra 35 mil hectares plantados na última temporada.


Porém, a soja predomina ao alcançar quase 200 mil hectares. Além de Querência, encabeçam a lista de municípios produtores Água Boa, Canarana e Nova Xavantina. Com mais de 880 mil hectares de soja, o Nordeste de Mato Grosso responde hoje por 13% da produção estadual da oleaginosa, estimada pela Expedição Safra Gazeta do Povo em 21,4 milhões de toneladas.


O milho é um fator de estímulo à produção de grãos. As estimativas regionais dão conta de que ainda há cerca de 1,5 milhões de hectares a serem abocanhados pela agricultura somente no Vale do Araguaia.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.