China deve comprar mais soja e carne de porco
CI
COMÉRCIO GLOBAL

China deve comprar mais soja e carne de porco

Importações devem aumentar mais até 2025
Por: -Leonardo Gottems

A China está esperando comprar mais soja e carne suína no ano de 2020, segundo informações da Reuters, divulgadas pelo portal especializado suinoculturaindustrial.com.br. Nesse cenário, indicou o portal, as importações de soja foram estimadas em 92,48 milhões de toneladas neste ano. 

Além disso, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), indicou que, até 2025, essas importações da oleaginosa devem crescer para 96,62 milhões de toneladas, enquanto em 2029 devem alcançar 99,52 milhões de toneladas. No caso da carne suína, as compras devem crescer para 2,8 milhões de toneladas, um avanço de 32,7% na comparação anual. 

“A China é um importante comprador de soja e carne suína em nível global e tipicamente importa milhões de toneladas da oleaginosa por ano para processar e transformar em ração animal. A peste suína africana, no entanto, reduziu em mais de 40% o rebanho de porcos do país no ano passado, reduzindo a oferta do principal país consumidor de carne suína”, indica o portal especializado.  

Nesse cenário, a China tem ampliado as importações de carne suína nos últimos meses para compensar a queda na oferta doméstica, que também teve influência da pandemia do novo coronavírus. “Apesar das maiores importações, o consumo de carne suína na China em 2020 deve cair para 42,06 milhões de toneladas, recuo de 5,6% na comparação anual, devido aos altos preços e à queda na demanda dos consumidores devido ao coronavírus, segundo o ministério”, conclui o suinoculturaindustrial.com.br. 

A produção de carne suína deve cair neste ano para 39,34 milhões de toneladas, recuperando-se para 54 milhões de toneladas em 2022. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink