China rebate EUA em declaração sobre meio ambiente

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


CI
POLÍTICA MUNDIAL

China rebate EUA em declaração sobre meio ambiente

"É bem claro para o mundo quem se retirou do Acordo de Paris", disse um porta-voz chinês.
Por: -Leonardo Gottems

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Geng Shuang, rebateu as declarações do secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, de que as emissões de dióxido de carbono da China estão aumentando muito. Ele afirmou que o país desempenhou um papel importante na conclusão, assinatura e implementação do Acordo de Paris. 

"Pelo contrário, é bem claro para o mundo quem se retirou do Acordo de Paris e quem está impedindo a cooperação global de lidar com a mudança climática", enfatizou Geng. Ele disse também que, de acordo com relatos da mídia, devido à posição diferente dos EUA sobre a mudança climática, nenhuma declaração final foi alcançada na 11ª Reunião Ministerial do Conselho do Ártico, que é sem precedentes nos 23 anos de história do conselho. 

Citando a localização geológica única e ecologia vulnerável da região do Ártico, Geng enfatizou que a China está disposta a trabalhar com as partes relevantes para aumentar ainda mais o consenso político e a cooperação para enfrentar efetivamente os desafios trazidos pela mudança climática para o Ártico.   

O porta-voz disse que as medidas adotadas pela China para reduzir as emissões de gases causadores do efeito estufa influenciam positivamente o clima e o ambiente ecológico da região do Ártico. Além disso, ele enfatiza também que o Acordo de Paris obteve a aprovação unânime da comunidade global. 

O Acordo de Paris foi aprovado pelos 195 países Parte da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (UNFCCC) para reduzir emissões de gases de efeito estufa (GEE) no contexto do desenvolvimento sustentável. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink