Chuva em excesso provoca prejuízo nas lavouras de milho safrinha em MS
CI
Agronegócio

Chuva em excesso provoca prejuízo nas lavouras de milho safrinha em MS

Alguns produtores estimam que as perdas cheguem a 40%
Por:
A chuva em excesso na região da grande Dourados, em Mato Grosso do Sul, já está provocando prejuízo nas lavouras de milho safrinha. Alguns produtores estimam que as perdas cheguem a 40% dependendo da variedade cultivada.

De acordo com a Embrapa Agropecuária Oeste, em março, por exemplo, choveu na região 321 milímetros, mais que o dobro da média histórica, que é de 142 milímetros. Segundo o agrometeorologista da unidade, Cláudio Lazzarotto, a previsão para os próximos meses é de mais chuva na região.


"Deveremos ter cerca de 100 milímetros de chuva em maio, e entre 50 e 60 milímetros em junho e julho, o que nos permite dizer que teremos um inverno chuvoso. Não com chuvas exageradas, mas com muita precipitação e uma condição de umidade elevada, muito diferente do registrado nos últimos anos", concluiu.

Entre os produtores que já contabilizam prejuízos está Gilberto Gonçalves Garcia. Ele cultivou 145 hectares com milho safrinha em Dourados. O excesso de chuva fez com que a área plantada ficasse encharcada o que afetou o desenvolvimento das plantas. O agricultor estima que pelo menos 20% da produção foi afetada.


"O milho é uma planta que precisa que a água atinja uma profundidade maior no solo. Se ela fica empossada, as raízes não conseguem absorver essa água e os nutrientes do solo, o que faz com que as folhas fiquem amareladas e ocorra perda de produção", comenta o produtor.]

Na lavoura do agricultor Virgílio Mettifogo o prejuízo estimado com a grande quantidade de chuvas é ainda maior. "Eu calculo que o meu milho mais novo, que corresponde a 30% da área cultivada, já tenha sofrido uma perda de aproximadamente 40%, ou até mais. Temos que torcer agora é para fazer sol, se não a situação pode ficar ainda mais crítica", avalia.


De acordo com o sétimo levantamento da safra 2012/2013 de grãos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), os produtores rurais de Mato Grosso do Sul plantaram 1,326 milhão de hectares com milho safrinha.

Com informações do MS Rural

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.