Chuvas atrasam preparo do solo para arroz no RS

Agronegócio

Chuvas atrasam preparo do solo para arroz no RS

A previsão de geada também preocupa, já que o frio nesta época do ano diminui o ritmo de crescimento da planta de arroz
Por:
69 acessos

As chuvas dos últimos quatro dias causaram transtornos para a lavoura de arroz do Estado. Conforme levantamento realizado pelo Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), a grande precipitação está atrasando o preparo do solo e o plantio. A Fronteira Oeste e as regiões dos rios Taquari e Jacuí foram as mais prejudicadas.

A agrônoma do Irga em Uruguaiana, Sintia Trojan, explica que os produtores pararam o processo de preparo do solo há uma semana. A previsão de geada também preocupa, já que o frio nesta época do ano diminui o ritmo de crescimento da planta de arroz. O último acompanhamento do Instituto apurou que cerca de 3% da área já estava plantada na Fronteira Oeste.

Nos municípios de General Câmara e Taquari, grande parte da lavoura ainda está alagada com as cheias dos rios Taquari e Jacuí. Os dois municípios plantam em torno de 4,3 mil hectares. “A área plantada ainda era pequena, mas muitos produtores já tinham preparado o solo”, afirma Abílio Dória, técnico agrícola do Irga, em General Câmara. Em Triunfo, Nova Santa Rita, Capela de Santana e Esteio, cerca de 250 hectares plantados foram atingidos pela enchente, informou o técnico Carlos Eduardo, do Irga de Guaíba.

Durante quatro dias choveu cerca de 100 milímetros na Zona Sul gaúcha. Houve encharcamento das lavouras e, segundo a agrônoma do Irga Vera Borges, serão necessários cerca de cinco dias para os arrozeiros reiniciarem o processo de preparo do solo. Vera afirma que a região tem 65% da área preparada para o plantio.

As chuvas causaram o atraso no preparo do solo também em outras regiões produtoras. Na Campanha, choveu 56 milímetros, mas sem causar prejuízos e atrasos. Para agilizar o processo de preparo do solo, o Irga recomenda a drenagem das lavouras para retirada do excesso de água. As informações são da assessoria de imprensa do Irga.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink