Circuito de Gestão e Inovação no Agronegócio chega a Teutônia

Agronegócio

Circuito de Gestão e Inovação no Agronegócio chega a Teutônia

Evento será no dia 22 de julho
Por:
1074 acessos

O agronegócio alimenta a economia nacional e dita a colocação do Brasil no exterior em mais de uma década, assegurando superávits na balança comercial – foram US$ 2,653 bilhões em 2013. Matemática que não para por aí. A expansão – segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a estimativa da safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas deste ano deverá ser de 192,5 milhões de toneladas, incremento de 2,3% em relação a do ano passado – é muito mais do que volumes.

Grãos, carne, leite, enfim a produção agrícola e pecuária passou a agregar valor à cadeia, da biotecnologia ao desenvolvimento de equipamentos com tecnologia de ponta. Mas esta interatividade depende de conhecimento, proposta central do Circuito de Gestão e Inovação no Agronegócio que o Instituto de Educação no Agronegócio (I-UMA) está levando para diversos polos produtivos do Estado. No dia 22 de julho, das 13h30 às 17 horas, na Associação Pró-Desenvolvimento Languiru, apoiadora do encontro, será o momento do município de Teutônia, um dos promissores do Vale do Taquari. As vagas são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.agrocircuito.com.br.
 
Durante o encontro, especialistas falarão sobre crédito agrícola, tecnologias sustentáveis e desafios de gestão. A sucessão familiar, por exemplo, é um dos assuntos que vem chamando a atenção. Hoje, 96% dos negócios da agricultura são familiares, 70% quebram na 2ª geração e apenas 15% conseguem mudar para as mãos da 3ª geração. “A carência de conhecimento é fato. Nossa missão é atender a necessidade de temas provocados nas relações do agronegócio. Com a organização da produção e sua cadeia se chega à agregação de valor”, disse o economista José Américo da Silva, presidente do I-UMA, conceituado no Brasil como uma “fábrica de conteúdos”. As palestras, com inscrições gratuitas, são destinadas a produtores rurais, lideranças comunitárias e empresariais, cooperativas e entidades ligadas ao setor.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink