Circuito Frutificaminas em Curvelo apresenta o potencial da fruticultura mineira

Agronegócio

Circuito Frutificaminas em Curvelo apresenta o potencial da fruticultura mineira

Evento também será realizado no Norte de Minas, na próxima semana
Por:
440 acessos

Nesta quinta-feira, 30 de junho, o Circuito Mineiro de Fruticultura (Frutificaminas) chega a Curvelo, região central do Estado. A partir das 13h, haverá palestras sobre o desenvolvimento da atividade, suas potencialidades e desafios. Em seguida, na parte prática do evento, os técnicos da Emater-MG levarão os participantes para conhecer o pomar da Unidade Demonstrativa, instalada na Fazenda Santa Maria.

O Frutificaminas é uma iniciativa da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, executada e coordenada pela Emater-MG. Os eventos oferecem aos produtores rurais a oportunidade de conhecer e aprimorar as tecnologias, para aumentar a produção e o rendimento da atividade.

Atraente do ponto de vista financeiro e que, ao mesmo tempo, pode ser conduzida com mão de obra familiar, a fruticultura é uma boa alternativa de investimento para os pequenos proprietários rurais. A atividade gera mais de 500 mil empregos, só em Minas Gerais, mas tem potencial para crescer muito ainda, na avaliação do coordenador Estadual de Fruticultura da Emater-MG, Deny Sanábio. Ele é o gestor do Circuito Frutificaminas, que, em seis anos, já levou informações técnicas e de mercado a mais de sete mil produtores mineiros, em 355 municípios do Estado.

De acordo com Deny Sanábio, o domínio da tecnologia de produção é um dos maiores desafios para os produtores. "A fruticultura apresenta alto rendimento por área, em comparação com outras atividades rurais. Porém, requer muita tecnologia para que se obtenha bons resultados. Do início ao fim da atividade, tem que ter acompanhamento técnico adequado. Dados do IBGE mostram que os produtores que têm assistência técnica têm um rendimento, por área, quatro vezes maior do que os que não utilizam", afirma o coordenador da Emater-MG.

 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink