Citros/Cepea: Moagem de precoces segue firme, mas qualidade é baixa para suco

Agronegócio

Citros/Cepea: Moagem de precoces segue firme, mas qualidade é baixa para suco

O volume de processamento de laranjas precoces continua firme no estado de São Paulo.
Por:
783 acessos

O volume de processamento de laranjas precoces continua firme no estado de São Paulo, segundo agentes consultados pelo Cepea, enquanto a quantidade de laranja pera recebida ainda é baixa, restrita apenas a atendimento ou às frutas temporãs. Atualmente, oito unidades das grandes indústrias paulistas estão moendo a laranja, absorvendo frutas próprias, contratadas e também no mercado spot – este último, com valores entre R$ 18 e R$ 20,00/cx de 40,8 kg, colhida e posta na processadora.

Já as pequenas indústrias pagam até R$ 21,00/cx. Com relação ao rendimento industrial, mesmo com o avanço da maturação das laranjas, ainda não houve melhora na qualidade das frutas para a produção de suco. O principal motivo para o baixo rendimento foi o clima chuvoso no início deste mês, que diminuiu a concentração de sólidos solúveis nas frutas. No mercado de fruta in natura, o preço da laranja se manteve estável.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink