Clima favorável à moagem pressiona etanol hidratado em SP
CI
Agronegócio

Clima favorável à moagem pressiona etanol hidratado em SP

Avaliação é do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea)
Por:
Os preços do etanol hidratado, quem vinham subindo recentemente, passaram a ser recuar no mercado paulista no meio da semana passada, pressionados por uma melhora climática para a moagem, avaliou o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) nesta segunda-feira.

Segundo estudos do Cepea, no início da semana passada, ainda sob reflexos das chuvas das semanas anteriores, as usinas conseguiram negociar a preços elevados. Entretanto, com o tempo mais firme, novas usinas iniciaram efetivamente a safra e elevaram o volume ofertado de hidratado, pressionando os preços.

Apesar da queda no final da semana, o indicador semanal CEPEA/ESALQ do etanol hidratado no Estado de São Paulo fechou em 1,3018 real por litro (sem impostos), aumento de 1,25 por cento em relação à semana anterior, na terceira semana consecutiva de alta.

No entanto, o indicador diário do produto, posto Paulínia, ESALQ/BM&FBovespa teve perda de 3,1 por cento ao longo da última semana. Mesmo assim, por conta das fortes altas das semanas anteriores, neste primeiro mês de safra ainda acumula alta de 4,05 por cento.

No caso do anidro, houve um aumento de 3,72 por cento, indo para 1,3994 real por litro (sem impostos).

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.