Clima favorece safra de soja na Argentina

Agronegócio

Clima favorece safra de soja na Argentina

No Brasil, 32,2% da safra de milho já foi colhida, segundo levantamento da FNP Consultoria
Por:
1 acessos

Os produtores de soja da Argentina foram amplamente favorecidos pelo tempo úmido que predominou na maior parte das regiões agrícolas do país durante a última semana, enquanto que a safra de verão teve a colheita atrasada pelo excesso de chuva.

Na maior parte do centro e do norte do país, o volume de precipitação variou entre 25 e 50 mm, o que manteve o solo com umidade adequada para o desenvolvimento da segunda safra de soja, embora a chuva tenha atrasado a maturação e a colheita dos grãos de verão.

Durante o final da semana, uma chuva moderada causou problemas nos trabalhos de campo da próxima safra, principalmente em algumas localidades de La Pampa e de Buenos Aires, e no sul de Córdoba e de Santa Fé.

De acordo com o Ministério da Agricultura da Argentina, a colheita do milho atingiu 18% da safra até o dia 17 de março, ficando consideravelmente abaixo dos 27% registrados no mesmo período do ano passado.

No Brasil, 32,2% da safra de milho já foi colhida, segundo levantamento da FNP Consultoria. Até o momento, 46% da segunda safra do grão foi cultivada. Na soja, o índice de colheita chega a 34% das 58,4 milhões de toneladas.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink