Clima preocupa cotonicultores dos EUA
CI
Imagem: Eliza Maliszewski
SAFRA

Clima preocupa cotonicultores dos EUA

Nesta safra a área está estimada em 4,87 milhões de hectares
Por: -Eliza Maliszewski

A semeadura do algodão nos Estados Unidos teve início no mês de abril e até o último domingo (25)  cerca de 12% das áreas já estavam plantadas. Nesta safra a área está estimada em 4,87 milhões de hectares nas lavouras norte-americanas. Segundo dados apurados pelo Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea) o ritmo nas lavouras até o momento está 2,00 p.p. atrás da safra passada e 1,00 p.p. acima da média dos últimos cinco anos.

Já o principal produtor do país, o Texas, semeou 17,00% dos 2,76 milhões de hectares projetados para a temporada e, mesmo com os níveis de umidade no solo se apresentando abaixo do ideal em algumas regiões, principalmente na oeste, noroeste e sudeste, o plantio no estado está 3,00 p.p. acima da média das últimas cinco safras.

Mesmo com os trabalhos a campo se apresentando neste início dentro da normalidade na maior parte do país, o fator climático ainda é uma preocupação para os produtores, já que muitas áreas ainda necessitam de bons volumes de chuvas para não comprometer o desenvolvimento do algodão na temporada.

Os Estados são o terceiro maior produtor de algodão do mundo e primeiro maior exportador. O Brasil aparece na quinta posição como produtor e ocupa o primeiro lugar em produtividade em sequeiro. Na exportação está em terceiro.

Veja na tabela o andamento da semeadura norte-americana:


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink