CNI: desafio do País é reinserção no mercado internacional

Agronegócio

CNI: desafio do País é reinserção no mercado internacional

O Brasil precisa tomar cuidado para não se tornar um País exportador de muitos produtos agrícolas e poucos bens industriais
Por:
273 acessos

O Brasil precisa tomar cuidado para não se tornar um País exportador de muitos produtos agrícolas e poucos bens industriais. A afirmação foi feita, há pouco, pelo presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Armando Monteiro Neto, ao sair de reunião do grupo de acompanhamento da crise (GAC). Ele disse que a queda do dólar, aliada à desvalorização das commodities, atualmente representa o maior desafio para a economia brasileira.

"O maior desafio do Brasil é se reinserir no mercado internacional no cenário pós-crise", declarou.

Monteiro Neto reconheceu que o governo não pode fazer muito em relação ao câmbio, mas sugeriu medidas de redução de impostos que tornem os produtos brasileiros mais competitivos no exterior.

Entre os propostas apresentadas pela CNI, estão a compensação de créditos tributários (desconto de impostos pagos a mais) para os exportadores, além da retomada das discussões sobre a desoneração da folha de pagamento.

Apesar de ter defendido a compensação de tributos, Monteiro Neto negou que o crédito-prêmio do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) tenha sido discutido. "Esse é um tema muito complexo."

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink