Cocamar quer faturar R$ 2,230 bilhões este ano
CI
Agronegócio

Cocamar quer faturar R$ 2,230 bilhões este ano

Cocamar possui 54 unidades no total, a maioria em municípios da região noroeste
Por:
Durante Assembleia Geral Ordinária promovida na manhã dessa terça-feira (31-01) na Associação Cocamar em Maringá, a Cocamar Cooperativa Agroindustrial divulgou que pretende faturar R$ 2,230 bilhões este ano, contra os R$ 2,010 bilhões de 2011. Segundo o presidente da cooperativa, Luiz Lourenço, desse total, pelo menos R$ 520 milhões devem ser obtidos com a operação de 24 entrepostos na região de Londrina, arrendados desde 2010 junto à Corol. Em 2011, esse montante foi de cerca de R$ 300 milhões. A Cocamar possui 54 unidades no total, a maioria em municípios da região noroeste, e conta com 10,8 mil associados.


Mantendo uma tradição, a Cocamar é uma das primeiras cooperativas do país a realizar a prestação de contas do ano anterior. A Assembleia, que reuniu cerca de 400 cooperados, finalizou uma agenda de reuniões preparatórias organizadas na semana passada em 41 municípios, onde os números foram apresentados e debatidos com os produtores.


Lourenço lembra que o faturamento de 2011 do grupo inclui a participação da empresa coligada Transcocamar, de R$ 85 milhões. Sem ela, a cooperativa faturou R$ 1,925 bilhão – mesmo assim, com expansão de 30% sobre os R$ 1,485 bilhão de 2010. “Foi um ano muito bom, sem ser excepcional”, afirmou o presidente, destacando que o clima e os preços das commodities favoreceram o campo no último ano. A previsão, segundo ele, é que o mercado continue remunerador em 2012.


À Assembleia compareceram dirigentes de várias cooperativas da região. Leonardo Boesche, que representou a Ocepar (Organização das Cooperativas do Estado do Paraná), afirmou que o segmento cooperativista paranaense deve faturar perto de R$ 30 bilhões em 2011. “Os números ainda estão sendo fechados”, citou, ressaltando que a média de crescimento das empresas do setor é de 14% em relação a 2010. Ele destacou o fato de 2012 ser o Ano Internacional das Cooperativas, segundo resolução da Organização das Nações Unidas (ONU). “É uma oportunidade para divulgar o sistema, colocando-o a serviço do desenvolvimento econômico e social”. Segundo Boesche, 70% da população paranaense está ligada ao cooperativismo. “O desafio, agora, é alcançar os restantes 30%”, completou.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.