Colheita do milho nos Campos Gerais (PR) começa em poucos dias
CI
Agronegócio

Colheita do milho nos Campos Gerais (PR) começa em poucos dias

A expectativa é de que sejam colhidos cerca de 1,30 milhão de toneladas de grãos na região
Por:

Pro­du­to­res dos Campos Gerais (PR) deverão iniciar no final da semana que vem a colheita do milho. A expectativa é de que sejam colhidos cerca de 1,30 milhão de toneladas de grãos na região. Nesta safra, a cultura ocupa uma área de aproximadamente 174 mil hectares. No ano passado, o cereal foi plantado em uma área maior, de 193,5 mil hectares e a produção atingiu 1,35 milhão de toneladas. A redução deste ano teria explicação no mercado agrícola.

Segundo o agrônomo José Ro­berto Tosato, do Depar­tamento e Economia Rural do núcleo regional da Secretaria de Es­tado da Agricultura e do Abas­tecimento (Deral/Seab), na safra passada os preços estavam muito abaixo do ideal. A demora na comercialização e à falta de perspectiva de melhora do mercado levaram os produtores a plantar mais soja.

Hoje, segundo Tosato, o preço do milho está mais atrativo. A saca de 60 quilos está com preço mínimo próximo de R$ 19,50 e máximo de R$ 21 (cotação de ontem da Seab). O agrônomo acredita que as previsões de produtividade feitas neste ano para a safra do grão deverão se confirmar. “Os dias quentes e as chuvas estão ajudando no enchimento dos grãos”, explica.

O trabalho no campo, no entanto, deverá durar apenas um mês. A colheita será interrompida entre março e abril. Nestes meses, estará acontecendo a colheita da soja. Em maio, os produtores voltarão a atenção para o milho. Conforme Tosato, neste momento, em algumas lavouras é possível observar a colheita do milho. “Este milho será utilizado para a alimentação do gado leiteiro e de corte”, observa.

Estado – No Paraná, o milho ocupa uma área de 1,30 milhão de hectares. A produção estimada é próxima de 8,1 milhões de toneladas. Caso este volume se confirme, o Estado irá colher 6% a mais que na safra passada.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink