Com ritmo forte no Estado, plantio no país chega a 11%

Agronegócio

Com ritmo forte no Estado, plantio no país chega a 11%

Plantio da safra 2016/17 de soja chegou a 11% da área total estimada para o Brasil na última quinta-feira (06)
Por:
1457 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

O plantio da safra 2016/17 de soja chegou a 11% da área total estimada para o Brasil na última quinta-feira (06), de acordo com levantamento da Consultoria AgRural. O número representa avanço de seis pontos percentuais em uma semana e coloca o ritmo de semeadura da nova safra à frente dos 8% do ano passado e dos 4% da média de cinco anos. O Paraná lidera o plantio, com 29% da área já semeada. Mas quem chama à atenção é Mato Grosso, que já plantou 19% de sua área, contra 5% na safra anterior.

Com chuvas mais constantes e bem distribuídas, o Estado vive situação muito melhor que a vivenciada há um ano, quando a falta de chuvas regulares atrasou o plantio e, mais adiante, comprometeu a produtividade de parte das lavouras. Outro destaque positivo desta semana foi Goiás, que após um setembro mais seco que o esperado recebeu chuvas que favoreceram o início do plantio.

Por outro lado, a falta de umidade em pontos de Mato Grosso do Sul preocupa os produtores e mantém lento o ritmo de plantio, que está feito em 6% da área, contra 15% um ano atrás. Chuvas com maior volume e cobertura também seriam bem-vindas no norte do Paraná. A boa notícia para os produtores do norte paranaense e do sul de Mato Grosso do Sul é que as previsões apontam chuva a partir do dia 12. O norte de Mato Grosso do Sul, porém, deve receber apenas volumes pequenos e esparsos.

Os outros estados do Centro-Oeste também devem ter um período de pouca chuva nas duas próximas semanas. Mas, como o solo recebeu umidade recentemente, não se esperam maiores transtornos, a não ser que o período mais seco se estenda para além das datas previstas.

A AgRural estima a área brasileira de soja em 33,5 milhões de hectares, com aumento anual de 0,8%. A produção potencial é calculada em 100,6 milhões de toneladas (+5,4%).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink