Começa hoje o período proibitivo de queimadas em Mato Grosso

Agronegócio

Começa hoje o período proibitivo de queimadas em Mato Grosso

A partir desta quarta-feira, (15) até o dia 15 de setembro, está proibido todo e qualquer tipo de queimada
267 acessos

A partir desta quarta-feira, (15) até o dia 15 de setembro, está proibido todo e qualquer tipo de queimada em Mato Grosso. O período proibitivo, que a princípio é de 60 dias, pode ser prorrogado em razão das condições climáticas. Nesse período, quem for pego ateando fogo pode receber multas que variam de R$ 1 mil por hectare nas áreas abertas a R$ 1,5 mil por hectare nas áreas de floresta, além de ser preso e responder criminalmente por isso. A pena nesses casos é de até quatro anos de prisão, estabelecida pela Lei Federal nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998.

Para traçar as ações e estratégias de prevenção e combate a queimadas neste período, entidades representativas, Governo do Estado e Ministério Público participam de uma audiência pública que acontecerá nesta quarta-feira, às 14 horas, no auditório da Procuradoria Geral da Justiça, em Cuiabá.

Como faz todos os anos, a Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) participa efetivamente da campanha, informando e orientando os produtores através de ações diretas junto aos sindicatos rurais. “Os produtores mato-grossenses já são conscientes em relação à proibição de queimadas neste período e certamente, como acorreu nos anos anteriores, a legislação ambiental será cumprida pelo segmento”, afirmou Benedito Paulo de Abreu, do Departamento Técnico da Famato.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink