Começo de semana lento no mercado do boi gordo
CI
Agronegócio

Começo de semana lento no mercado do boi gordo

Mercado do boi gordo parado
Por:

Em São Paulo a referência ficou estável em R$119,00/@, à vista (28/7), e os frigoríficos trabalham, em média, com cinco dias úteis de escala.

As indústrias paulistas pressionam o mercado, pois trabalham com programações confortáveis. Existem ofertas de até R$2,00/@ abaixo da referência.

Em Rondônia, devido à melhoria da condição das pastagens, houve aumento da oferta de animais terminados. A referência para o boi gordo, à vista, caiu R$1,00/@ e está em R$113,00/@.

No Norte de Minas a piora da oferta, devido à seca na região, obriga os frigoríficos a pagarem mais pela arroba. O boi gordo é negociado por R$106,00/@, à vista, alta de 2,9% em relação ao início de julho.

No mercado atacadista de carne com osso os preços estão estáveis e o boi casado de animais castrados está cotado em R$7,40/kg.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink