Comissão especial vai analisar endividamento agrícola e propor soluções

Funrural

Comissão especial vai analisar endividamento agrícola e propor soluções

Reunião do dia 20 vai definir roteiro dos trabal
Por: -Sílvia Mugnatto
16 acessos

O coordenador da comissão externa que apura as causas do endividamento agrícola, deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), quer trabalhar primeiro na identificação do total dos débitos. Ele já está enviando ofícios para várias autoridades do governo e do setor privado para somar estes números. A comissão tem uma reunião na terça-feira (20.02) para definir o roteiro de trabalho e aprovar requerimentos.

Goergen acredita que será necessário propor uma nova securitização das dívidas:

"Onde o Estado assume essa dívida, alonga ela no tempo e o produtor paga ao Estado com um juro adequado, com um juro que venha ao encontro do atual patamar das taxas."

O deputado Jerônimo Goergen afirma que quer acelerar os trabalhos do grupo em função do calendário eleitoral:

"A gente sabe que na eleição as coisas param e também porque, no ano que vem, um novo governo, você sempre tem dificuldade de conversar sobre essa questão de alongamento. Porque um governo quando assume; ele praticamente fecha as portas para isso para poder assumir, para poder entender o que está recebendo nas contas públicas. Então nós temos que trabalhar muito rápido para termos algum resultado. Alguns setores como arroz, como leite, neste momento o café, a suinocultura, trigo, todos eles têm enormes dificuldades de renda e já um enorme endividamento, por consequência."

Uma outra proposta que será feita na comissão é a negociação de uma linha de crédito agrícola a ser oferecida pela Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil com juros mais baixos. Recentemente, foi sancionada lei que facilita os pagamentos de dívidas dos agricultores com o Funrural, relativo às contribuições previdenciárias do setor (13.606/18).

 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink