Conab compra mais de 1 tonelada de alimentos no Piauí

Agronegócio

Conab compra mais de 1 tonelada de alimentos no Piauí

Foram adquiridos mais de 1,3 milhão de quilos de milho e feijão junto a produtores de oito municípios
Por:
170 acessos

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) já investiu R$ 838,7 mil na aquisição de produtos da agricultura familiar no Piauí, segundo revelou, na manhã desta segunda-feira (17), o superintendente regional do órgão, José Nilson Gomes. As compras beneficiaram 424 produtores de oito municípios e os recursos são do Governo Federal, através do Ministério de Desenvolvimento Social.

Foram adquiridos mais de 1,3 milhão de quilos de milho e feijão junto a produtores dos municípios de Canto do Buriti, Brejo do Piauí, Alvorada do Gurguéia, Colônia do Gurguéia, Monsenhor Hipólito, Alegrete do Piauí, Caracol e Padre Marcos. A Conab já tem reuniões agendadas em Colônia do Gurguéia e Picos, para discutir a demanda dos produtores.

Os 629 quilos de milho adquiridos junto aos agricultores familiares foram destinados à cidade de Parnaíba, para ajudar a bacia leiteira da região, onde cada criador poderá adquirir até 14 toneladas do produto. Já os 681 mil quilos de feijão estão sendo destinados a programas sociais do governo e ao atendimento de famílias em situação de insegurança alimentar.

Operacionalizado pela Conab, o programa de compra direta tem como objetivo a aquisição da produção da agricultura familiar visando atender a demandas de alimentos de populações em risco alimentar. Em casos de baixa de preço, o programa também é utilizado na movimentação de safras e estoques, adequando a disponibilidade de produtos às necessidades de consumo.

Para ser comprado, o produto in natura deverá estar limpo, seco, enquadrado nos padrões de identidade e qualidade estabelecidos pelo Ministério da Agricultura. Se o produto for beneficiado deverá estar acondicionado e entregue nos locais de compra. Entre os produtos adquiridos estão arroz, castanha de caju, farinha de mandioca, feijão, milho, sorgo, trigo, leite em pó integral e farinha de trigo.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink