Conab vai servir de modelo para empresa da América Central
CI
Agronegócio

Conab vai servir de modelo para empresa da América Central

Serão apresentados os programas e as ações do governo brasileiro nas áreas de abastecimento, armazenagem e segurança alimentar
Por: -Renata
Técnicos da Conab vão participar, a partir da próxima segunda-feira (18), de uma série de encontros com ministros da Agricultura do Conselho Agropecuário Centro-Americano (CAC), onde serão apresentados os programas e as ações do governo brasileiro nas áreas de abastecimento, armazenagem e segurança alimentar. O intercâmbio é coordenado pelo Itamaraty.

As reuniões ocorrerão no Panamá, Colômbia e Nicarágua e atende uma das orientações da pauta de Cooperação Internacional estabelecida entre o Brasil e os países latino-americanos e caribenhos, durante a Conferência de Alto Nível sobre Segurança Alimentar da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), realizada no último mês de junho, em Roma.

Os ministros latino-americanos querem conhecer a experiência brasileira nesses setores, a fim de implantar uma empresa regional, com o mesmo perfil da Conab, para atender as demandas dos países da América Central, como Belize, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua e Panamá.

O diretor de Logística e Gestão Empresarial da Conab, Sílvio Porto, vai informar os governantes sobre o trabalho desenvolvido pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), os objetivos da Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM) e do Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF). Nos encontros também serão exibidas experiências em armazenagem, prognósticos das safras e de custos de produção.

A equipe da Conab vai visitar um assentamento de pequenos produtores, em Manágua, na Nicarágua, para conhecer a realidade agrícola da região. A mesma experiência será vivida por representantes dos governos de toda a América Central, que virão ao Brasil, entre setembro e outubro próximos, para verificar a realidade da agricultura familiar. Eles já demonstraram interesse de uma parceria com o governo brasileiro para comprar alimentos desse grupo de produtores, como milho, arroz e leite.

FAO – A experiência da Conab na execução das políticas agrícolas voltadas ao abastecimento se tornou conhecida dos países latino-americanos durante a 30ª Conferência Regional da FAO para a América Latina e Caribe, ocorrida em abril deste ano. Neste encontro, por indicação da FAO, foi sugerida a troca de experiências entre a Conab e os demais países latino-americanos. As informações são da assessoria de imprensa da Conab.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.