Confira a previsão do tempo nesta segunda-feira (20)
CI
Imagem: Pixabay
AGROTEMPO

Confira a previsão do tempo nesta segunda-feira (20)

A semana começa com o destaque para uma forte massa de ar quente sobre o sul do país
Por: -Eliza Maliszewski

A semana (20/12) começa com o destaque para uma forte massa de ar quente sobre o sul do país, dando condições para o registro de temperaturas elevadas até mesmo para a época do ano, e que com a presença de algumas instabilidades poderá resultar em fortes temporais. Ao mesmo tempo, no sul do centro-oeste e metade sul do sudeste, o predomínio será de tempo firme. Contudo, em grande parte da metade norte do país, as condições são favoráveis para a formação de nuvens carregadas e chuvas volumosas.   

No decorrer da semana, as áreas de instabilidade sobre o sul do país poderão se desenvolver para uma região de baixa pressão. E durante este processo, as chuvas poderão abranger uma área maior sobre o RS, SC e PR. Avançando como uma frente fria para o sudeste, levando chuvas para o estado de SP entre terça (21) e quarta (22/12), configurando mais uma vez o canal de umidade entre a região amazônica e o oceano.

Confira a plataforma completa de mapas aqui
Saiba  a previsão para a sua cidade aqui

Saiba como fica o tempo em cada região: 

Região Norte

As instabilidades típicas da região amazônica dominam o tempo sobre o norte do país. Deste modo, em praticamente todas as áreas existem condições para a formação de nuvens carregadas. A exceção fica para o leste de RR e região do Baixo Amazonas, onde, apesar das menores condições para chuvas, poderá registrar pancadas isoladas. 

Região Nordeste

A presença de um corredor de umidade partindo da região norte em direção ao oceano, garante as condições de chuva para grande parte da região. As projeções indicam que os maiores volumes ficarão concentrados entre a parcela central da BA e sul do PI, com áreas onde as chuvas podem superar os 50 mm de acumulado, sobretudo no sul do PI. Ao sl do CE, SE, AL e oeste da PB e de PE as instabilidades também poderão ser registradas, mas de maneira fraca e pontual. Ao passo que desde o litoral do MA até o litoral de AL, as condições para chuvas são menores. 

Região Centro-Oeste

A massa de ar quente e seco que atua no cone sul do país, impede a formação de nuvens carregadas sobre grande parte do estado do MS e extremo sul do GO. Por outro lado, a partir do norte do pantanal sul matogrossense as condições para chuvas são elevadas, isso por conta do forte calor, alta disponibilidade de umidade e o levantamento de ar provocado principalmente pela atuação da Alta da Bolívia. Desta forma, alguns pontos sobre a parcela central e norte do MT, extremo norte do MS e áreas próximas ao DF poderão registrar pancadas de chuvas fortes, com acumulados superando a marca dos 30 mm no final do período. Contudo, na metade oeste do MT a tendência é de que as chuvas ocorram de maneira irregular. 

Região Sudeste

A atuação da massa de ar seco e quente predomina o tempo sobre a metade sul da região, mantendo o tempo firme em SP, RJ e grande parte do sul de MG. No entanto, um corredor de umidade formado entre o norte do país e o oceano, passou sobre o norte da região, mantendo as condições para chuvas sobre o norte de MG e norte do ES, sendo que no noroeste de MG os acumulados poderão se aproximar dos 40 mm no decorrer do dia. Já as áreas adjacentes à Belo Horizonte, também poderão registrar pancadas de chuvas fortes, mas de maneira isolada.

Região Sul

O destaque para a região diz respeito às temperaturas que estarão acima da média mesmo para o período de verão. Em especial a metade oeste dos estados terão termômetro registrando temperaturas superiores aos 37°C, sendo mais expressivo no sudoeste do estado gaúcho, onde as projeções indicam temperaturas superiores aos 40°C. Contudo, há possibilidade da formação de instabilidades devido à passagem de um cavado - região alongada de baixa pressão - e que com o forte calor, poderá resultar em temporais com eventos associados à tempo severo como queda de granizo, chuvas fortes em curtos períodos de tempo, vendavais e muita incidência de raios. A área onde estas condições são mais relevantes, fica no oeste e noroeste do estado do RS, podendo atingir também o oeste de SC.  

Veja os mapas destaques para hoje:

 

 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.