Congresso Abag: Maior investimento em infraestrutura só com ajuste fiscal

Agronegócio

Congresso Abag: Maior investimento em infraestrutura só com ajuste fiscal

Avaliação do economista Alexandre Mendonça de Barros
Por: -Leonardo Gottems
1571 acessos
 
Na avaliação do economista Alexandre Shwartsman, não há como investir mais em infraestrutura enquanto o poder público gasta 20% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro. "Vamos ter que passar por ajuste fiscal. Se o Brasil está perdendo produtividade, tem de haver adequação do setor público. E não estamos vendo isso", alertou.
 
Ele participou do primeiro painel do 12º Congresso Brasileiro do Agronegócio, promovido pela Abag. O evento ocorre nesta segunda-feira (04.08) no Sheraton São Paulo WTC, e conta com cobertura em tempo real do Portal Agrolink.
 
"Se queremos investimento em infraestrutura, teremos de diminuir o gasto corrente. Também precisamos rever os modelos de concessão. Como vamos tentar atrair a iniciativa privada tabelando o preço do pedágio?", sustentou Barros.
 
Ele seguiu lembrando que, como qualquer consumidor, não gosta de gastar muito pelo que paga. "Mas precisamos raciocinar sobre o que é mais barato: pagar mais por uma boa rodovia, ou que o motorista do caminhão leve o dobro do tempo para chegar? A questão não é o buscar o mais barato, mas se vamos ter como investir em infraestrutura ou não", concluiu.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink