Agronegócio

Congresso Brasileiro de Educação Agrícola Superior

Daniel Salati, da Unesp, fala sobre ensino de Ciências Agrárias
Por:
1210 acessos
O 8o Congresso Brasileiro de Educação Agrícola Superior e a 53a Reunião Anual da Abeas (Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior) serão realizados entre os dias 7 a 11 de Outubro de 2013, no Anfiteatro da Faculdade Assis Gurgacz em Cascavel, no Paraná. O congresso é um dos encontros mais importantes para o ensino de Educação Agrícola Superior. O tema deste ano é “O papel da educação para o mundo global”.


Daniel Salati, docente aposentado da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) da Unesp de Botucatu, representa o Confea (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia) durante o evento. No dia 8/10 o professor participa de uma mesa de discussão trazendo a visão do Conselho sobre Ensino de Ciências Agrarias no Brasil. Sobre sua apresentação, Salati explica: “Será um alerta às Faculdades de Engenharia Agronômica quanto à questão das Atribuições Profissionais dos Engenheiros Agrônomos”.

A atribuição profissional é o conjunto de atividades e competências que um profissional recebe no momento em que efetua seu registro em determinada ordem ou conselho. Em sua apresentação Salati pretende relacionar as demandas da profissão com os conteúdos dos cursos de graduação. “O Projeto Pedagógico de um Curso de Graduação de Engenharia Agronômica deverá atender às demandas da sociedade, considerando seus aspectos econômicos, sociais, ambientais e culturais”, explica o professor.


Tais aspectos serão discutidos em detalhes durante o evento, de forma a conscientizar os Coordenadores e Professores dos Cursos quanto à importância das Atribuições Profissionais e do Mercado de Trabalho atual.
O congresso é promovido pelas Instituições de Ensino Superior do Paraná e pelos parceiros: MUTUA, CREA-PR, IAPAR, EMATER, OCEPAR, EMBRAPA, ITAIPU BINACIONAL, FAEP e SEAB. A programação completa e a ficha para inscrições estão disponíveis no site: http://www.abeas.com.br

Reunião Anual da ABEAS

A primeira reunião anual, ocorrida há 53 anos, teve como tema a Organização das “Escolas“ de Agronomia do Brasil, que acabavam de deixar o Ministério da Agricultura, para fazer parte do Ministério da Educação.
A partir de então, as temáticas dos Congressos têm sido direcionadas para a defesa do Ensino Agrícola Nacional. A base da estrutura desse encontro são as Comissões Técnicas que, com representantes de cada curso das Escolas, discutem propostas voltadas para a melhoria do ensino.

As ações aprovadas na assembleia final do encontro comporão as linhas mestras do marco legal de orientações da Diretoria da ABEAS, para os trabalhos de cada ano. O tema deste ano (O papel da educação para o mundo global) provoca uma profunda reflexão sobre o Ensino Agrícola como forma de contribuição para o desenvolvimento regional e em maior escala.


Na reunião deste ano também será eleita a nova diretoria, para o triênio 2014-2016.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink