Conheça a tecnologia que te faz economizar no adubo
CI
Imagem: Imperial College London
E SERÁ BARATA

Conheça a tecnologia que te faz economizar no adubo

Solução recomenda qual é o melhor momento e qual é a quantidade necessária
Por: -Leonardo Gottems

Um sensor para o solo com inteligência artificial (IA), de baixo custo e que te faz economizar no fertilizante. Parece bom demais pra ser verdade? Pois saiba que já existe, e foi desenvolvido pelos bioengenheiros do Imperial College London, no Reino Unido. 

Conforme comunicado divulgado pela universidade, o objetivo desse projeto é ajudar os agricultores a utilizar adubos de forma mais eficaz e reduzir o dano ambiental. De acordo com artigo publicado na revista Nature Food, essa solução recomenda qual é o melhor momento e qual é a quantidade necessária de fertilizante para cada lavoura.

Chamado de chemPEGS, essa tecnologia é descrita como um sensor de gás elétrico baseado em papel quimicamente funcionalizado. Ele mede os níveis de amônio no solo e, através de ‘machine learning’ combina dados meteorológicos, tempo desde a fertilização, pH e medições de condutividade do solo. A previsão da quantidade total de azoto e nitrogênio no solo é projetada para até 12 dias à frente, tendo por base a IA e o nível de amônio.

“A produtividade e os rendimentos resultantes estão em queda ano após ano, e os produtores não têm atualmente as ferramentas necessárias para combater isto. A nossa tecnologia poderá ajudar a resolver este problema, capacitando os produtores a saberem quanto amoníaco e nitrato estão atualmente no solo, e a prever quanto haverá no futuro com base nas condições meteorológicas. Isto poderia deixá-los afinar a fertilização às necessidades específicas do solo e das culturas”, explicou o pesquisador líder do projeto, Max Grell.

De acordo com os cientistas, a expectativa é de que a chemPEGS e a tecnologia de IA associada, que estão atualmente em fase de protótipo, estejam disponíveis para comercialização dentro de três a cinco anos, após mais testes e estruturação do processo fabril.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.