Consumo de adubos no RS cresce 27% no semestre

Agronegócio

Consumo de adubos no RS cresce 27% no semestre

O incremento reflete a retomada ao patamar histórico, após sucessivas quebras de safra
Por:
105 acessos

O consumo de fertilizantes no Rio Grande do Sul cresceu 26,99% no primeiro semestre, com 764,5 mil toneladas. Segundo o presidente do Sindicato das Indústrias de Adubos do RS (Siargs), Torvaldo Marzolla Filho, o incremento reflete a retomada ao patamar histórico, após sucessivas quebras de safra. Também cresceram as vendas de fertilizantes para os demais estados.

Entre janeiro e junho, 351,6 mil toneladas se destinaram, principalmente, a Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso, com acréscimo de 79,54% sobre igual período de 2006. Já as exportações caíram 4,74% (125,8 mil toneladas), retração atribuída por Marzolla à valorização do real e a problemas de logística no acesso aos mercados importadores, especialmente Argentina, Uruguai, Paraguai e Chile.

Mas nem tudo vai bem. O presidente do Siargs está preocupado com o atraso nas compras de fertilizante para as safras de verão, responsáveis por cerca de 70% do consumo. Em geral, elas são antecipadas (o Banco do Brasil destinou R$ 1 bilhão para isso) e o atraso pode gerar problemas na entrega, pela falta de caminhões.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink