Cooperativas de canavieiros para gerir usinas recebe apoio da OCB
CI
Agronegócio

Cooperativas de canavieiros para gerir usinas recebe apoio da OCB

Reunião será realizada na OCB, em Brasília
Por:
O grupo de trabalho criado para formar cooperativas de canavieiros para assumir usinas fechadas ou em dificuldades financeiras terá o apoio da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB). A entidade, que está presente em todos os estados através das suas organizações estaduais, receberá os integrantes do GT com o objetivo de orientá-los sobre os desafios e vantagens dos modelos de cooperativismo. A reunião será realizada na OCB, em Brasília, no próximo dia 11 de julho.


Segundo o presidente da União Nordestina dos Produtores de Cana (Unida), Alexandre Andrade Lima, o apoio foi dado pelo presidente da OCB, Marcio Lopes Freitas, durante reunião com o dirigente na terça-feira (26). Em relação ao encontro com o grupo de trabalho, os esclarecimentos e orientações ficarão sob a coordenação do gerente geral de Desenvolvimento de Cooperativas, Maurício Cordeiro Alves.

O GT é formado pelos presidentes da Unida, Alexandre Andradre Lima, e da Federação dos Plantadores de Cana do Brasil (Feplana), Paulo Leal. E ainda pelo assessor da Comissão Nacional de Cana de Açúcar da CNA, Francisco Dutra, além de um representante do Banco do Nordeste e do Brasil. O grupo de trabalho é coordenado pelo Ministério de Agricultura, através da Secretaria de Produção e Agroenergia.


O grupo tem a missão de elaborar o modelo de cooperativas de produtores de cana para administrar usinas fechadas ou em dificuldades financeiras. “A contribuição da OCB será de extrema importância, uma vez que a entidade é especialista nas questões do cooperativismo no país”, pontua o presidente da Unida, Andrade Lima. Ele lembra que o GT conta ainda com apoio do presidente da Comissão de Agricultura da Câmara Federal, deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE). O parlamentar, inclusive, esteve na reunião que fundou o grupo na semana passada na sede do Banco do Nordeste, no Ceará.
?
Detect language » Portuguese

?
Detect language » Portuguese


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink