Cooperativismo na China

Agronegócio

Cooperativismo na China

Por:
280 acessos

O secretário de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo do Ministério da Agricultura , Márcio Portocarrero, informou que o Brasil surpreendeu os compradores chineses ao apresentar cooperativas empresariais com produtos e marcas participativas no agronegócio. A constatação é resultado de missão à China com o objetivo de promover a prospecção de negócios, avaliar o mercado e aproximar-se de compradores chineses. Participaram representantes de 14 cooperativas dos setores de carnes, laticínios, algodão, café e soja.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink